Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dia de Clássico

MENU

Os espantosos André André e Ruben Neves deram esta noite um festival de classe futebolística. No dia seguinte à descoberta de água em Marte, podemos afirmar que as exibições destes foram um pequeno passo para a grande vitória do FCP, mas um salto gigantesco nas promissoras carreiras de ambos. 

No reencontro com outro grande português, designadamente José Mourinho, o grande Futebol Clube do Porto deslumbrou os mais de 46 mil adeptos no Dragão e expandiu com supremacia e sobriedade a grandeza europeia deste grande clube português. Numa noite cheia de magia, com algum sofrimento à mistura, o relógio parecia estar congelado na segunda parte e até o árbitro não queria terminar o jogo.

Sei que muitos vão falar da mão de Marcano, mas minutos antes vi eu com estes olhinhos que a terra há-de comer um puxão que impediu Marcano de jogar a bola dentro da grande área, na sequência da bola ao poste endossada por um não menos espectacular Danilo.

Parabéns à equipa e sobretudo ao treinador que abafou os assobios, apesar de não ter evitado ainda aqueles que se precipitam para a saída antes de saudar no final do jogo a excelente exibição do FC Porto.

Parabéns, FC Porto por fazeres parte da minha história e das minhas alegrias nos 36 de 122 anos da tua existência!

Obrigado, FC Porto!

Hélder Rodrigues

Pesquisar

Pesquisar no Blog

  • Benfica

  • Porto

Últimos comentários

  • jac

    "este foi um campeonato ferido na verdade" - os do...

  • Renascença...

    Quem diz que a Rádio Renascença é uma rádio públic...

  • Eduardo Louro

    Triste e anónima forma de expressar o mau perder. ...

  • M.C

    Um adepto de um clube por onde passaram jogadores ...

  • Anónimo

    Um clube que tem um jogador (Pizzi) em risco do 5º...