Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

20
Nov18

Tourada à moda do Porto

Dylan

pinto-da-costa-SLB.jpg

 

Como é hábito, o discurso de Pinto da Costa para assinalar os 15 anos do Estádio do Dragão serviram para investir contra o Benfica e o Governo. É o cornetim do costume, falou dos "tempos do fascismo" e pensei que estava a referir-se à época da construção do antigo estádio, quando foi erguido com a ajuda do Estado Novo. Depois, falou de "clubes que gastam fortunas em advogados porque precisam", como se o dinheiro pago fosse proveniente do seu chorudo ordenado. Por fim, criticou o facto dos seus impostos servirem para financiar touradas e lembrei-me daquela faena promovida pela Câmara de Gaia que delapidou milhões do erário público para construir um complexo desportivo,  alugando-o por uma bagatela ao clube que preside. Já estamos fartos desta tourada à moda do Porto televisionada no falido canal do clube, onde cavaleiros manipuladores incitam os adeptos e misturam política com futebol, numa arena de ódio. É por causa destes rabejadores e seus peões que o IVA da tauromaquia vai ser mais baixo do que o do futebol!

05
Nov18

Quem dá o que tem a mais não é obrigado

Dylan

vitoria.jpg

Pode não ter a astúcia de Trapattoni, o benfiquismo de Toni e a classe de Eriksson, mas Rui Vitória será sempre um senhor. Há um provérbio que diz que "quem dá o que tem, a mais não é obrigado", pois foi isto que o abnegado ribatejano sempre fez. Enxovalhado pelos treinadores dos rivais, pela comunicação social, por alguns adeptos que o apelidavam de "professor de ginástica" e pela pressão de treinar um gigante como o Benfica, respondeu com vitórias: 2 Campeonatos Nacionais, 1 Taça de Portugal, 1 Taça da Liga e 2 Supertaças. No entanto, a partir do meio de 2017, houve um claro desinvestimento no plantel originando fracas qualidades exibicionais que nem a alteração do sistema táctico melhorou. Pelo meio, foram publicados uns emails roubados e deturpados envolvendo o Benfica num esquema que envolve a arbitragem portuguesa, com o propósito de condicionar a mesma a favor de outros. E chegamos até aqui, quando um ancião de 34 anos faz chantagem e passa a ser o mais bem pago da equipa, estilhaçando um balneário, no lugar em que o treinador não consegue ter pulso num conjunto de pseudo vedetas com grandes diferenças salariais, desmotivados, e onde os adeptos desligam-se da equipa, vexados, abandonando os jogos ao intervalo, dando razão aos que acham que talvez seja a hora de mudar antes que seja tarde demais. 

13
Mar15

Os Rambos do futebol

Dylan

 

O treinador de futebol Vítor Pereira continua a surpreender a Grécia, infelizmente pelas piores razões. Talvez influenciado por alguns clubes onde passou, o Rambo de Espinho "que não tem medo de nada e de ninguém" incendeia bancadas ao provocar os adeptos rivais mas é o primeiro a fugir quando voam objectos e petardos provenientes das claques, em cenas que envergonhariam Stallone. As suas celebrações orgásticas inclusive já obrigaram mais uma vez a jogos à porta fechada. Outro tipo de Rambos estacionaram à porta do Bessa para satirizar as queixas do Guimarães em relação à arbitragem do recente jogo com o Boavista. Com a anuência da Direcção, um grupo de corajosos axadrezados enviou pelo correio uma caixa de biberões, babetes e fraldas por causa da "choradeira vimaranense". Estes Rambos são falsos, o verdadeiro herói iria do Porto a Guimarães entregar pessoalmente o embrulho, nunca a 50 quilómetros de distância!

12
Fev15

Irmãos desavindos

Dylan

cosme.png

 

Eu sei que nunca serão os tempos de Cosme Damião e Francisco Stromp, dos irmãos que raramente estavam desavindos, eu sei que talvez nunca haverá homens apaziguadores como Borges Coutinho e João Rocha, mas a atitude do actual presidente do Sporting em cortar relações institucionais com o Benfica é triste e tacanha, tudo porque os encarnados não condenaram as atitudes dos seus adeptos, faixas e cânticos insultuosos aquando de jogos entre as duas equipas. Suponho que para este senhor as faixas verdes têm mais bom gosto, os cânticos e as atitudes dos seus adeptos são mais poéticos e elegantes, isto para alguém que recentemente mostrou a sua classe ao considerar o futebol português como  um "ânus mal cheiroso", que esteve por um triz de despedir o treinador através de uma inédita "justa causa" e que interpôs acções judiciais contra a antiga administração do clube. Persiga-se os hooligans, todos aqueles que destroem o desporto, de norte a sul do país, e outros que vêem de forma encapotada cultivando a semente do ódio.

 
21
Jan15

Varredores de ocasião

Dylan

CANTINFLAS - O  VARREDOR.jpg

Segundo os seus responsáveis, parece que uma equipa de futebol da cidade do Porto precisa de um varredor, necessário para "varrer a porcaria da Federação Portuguesa de Futebol", porque esta se esqueceu de homenagear dois figurões na gala do seu centenário. É sempre bom ver alguém preocupado com o desemprego, tal como no passado, pois ajudaram os profissionais do turismo, da hotelaria e da restauração, nomeadamente promovendo viagens de árbitros ao Brasil. Desejam um novo Cantinflas, que varra o lixo enquanto conquista as empregadas domésticas da zona, mas foram pouco originais ao copiarem as  palavras de Carlos Queiroz, 20 anos antes, pois não só este voltou a chafurdar na mesma imundície  como se esquecem que já lucraram tanto com os resíduos dos outros, varrido tantas vezes para debaixo do tapete.  

09
Jul14

O drama, a tragédia, o horror

Dylan

 

 

A Alemanha, tal panzer, provocou um tremor de terra que abalará os alicerces do futebol brasileiro. Por instantes, lembrei-me de um célebre jornalista que alertava nos seus programas televisivos para o "drama, a tragédia e o horror". No Brasil, aconteceu uma divina comédia protagonizada por Dante e os seus amigos: o horizonte que podia ser belo transformou-se num inferno e nem a Nossa Senhora do Caravaggio valeu a Luis Filipe Scolari.

Seguir

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D