Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

26
Nov14

O abono de família do André

Eduardo Louro

 

Não fosse de todo inexplicável que o Benfica conseguisse a proeza de perder os dois jogos com o Zenit, e encontraria uma explicação: não ganhou porque nunca ousou ganhar!

A equipa russa não ganhou a mais ninguém. Mas basta-lhe ganhar ao Benfica para garantir o apuramento para a fase seguinte da Champions... Se calhar também é isso a grandeza do Benfica... Que controlou o jogo durante toda a primeira parte e que foi muito melhor durante durante a primeira metade da segunda. Não marcou - porque sem rematar à baliza não se fazem golos, e o Benfica cometeu ainda a proeza de fazer um único remate à baliza, por Salvio, ainda na primeira parte - e depois, de repente, Jorge Jesus decide retirar o Talisca do jogo, entregar o meio campo ao adversário e, decididamente, tornar-se no abono de família do André Villas Boas!

Pois é, Jesus: o Zenit é munta forte, mas não ganha a mais ninguém... 

21
Nov13

O Discurso de Fonseca

joshua

Rui Santos, há uns dias na SICN, aludia à curteza do discurso de Paulo Fonseca. Não sei. O discurso articulado de um técnico pode ser campeão dos discursos, mas importa que seja campeão na bola. Em André Villas-Boas, o discurso era extremamente eficaz e motivava para dentro e para fora. O de Fonseca não tem o refinamento motivador e estratégico do André? Não se pode ter tudo.

 

Por enquanto, lampião que vai na frente ilumina duas vezes. O lampionista, antiga profissão, é Fonseca. Que o seja até ao fim.

25
Set13

Mourinho em White Hart Lane

joshua

Cheira a que a rivalidade natural entre Mourinho e Villas-Boas, um dos melhores quadros agregados à marca e à mística FC Porto, vai deixar mossa no primeiro. O arranque do Tottenham na Premier League 2013/2014 mostra um ímpeto forte inverso ao do Chelsea, onde o timoneiro parece atravessar uma fase das mais pardas e incaracterísticas. Mente sã em espírito são é qualquer coisa que não parece colar-se ao, até há pouco, bem sucedido psicólogo Mourinho, sedutor de balneários, demolidor nas conferências de imprensa e implacável nos jogos. O embate Tottenham - Chelsea é já a seguir. Com duas equipas sob a liderança de dois grande portugueses, o que nos reservará o espectáculo de White Hart Lane?!

05
Mar12

De volta para o aconchego

Dylan

                                Foto: Blogue "Aventar"

 

 

 

 

O enorme Mário Wilson disse que "quem treina o Benfica, arrisca a ser campeão", noutros clubes, qualquer arremedo de treinador ou 2ª opção tem a certeza de que será campeão. Tudo aponta para que isso aconteça mais uma vez, mas em Inglaterra, a pátria do futebol onde não se compram títulos em supermercados nem o campeão é anunciado por decreto papal, André Villas-Boas já obteve a guia de marcha para fora do Chelsea. Sem uma comunicação social desportiva pedante e submissa, sem o óleo mágico que o seu ex-patrão polidor utiliza na cadeira dos sonhos do futebol português, os ingleses já perceberam que o negócio foi claramente sobreavaliado pois não existem cópias de José Mourinho. Sozinho, com o seu ego, de volta para o aconchego.

Seguir

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D