Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

04
Set13

Empurrões mediáticos

Eduardo Louro

Não sei bem porquê – ou talvez saiba - mas a verdade é que o Sporting caiu nas graças dos media. Não me refiro ao branqueamento da arbitragem do jogo de Alvalade, deste fim-de-semana, e à comparação, ainda bem fresca, com o tratamento dado à arbitragem de Capela, na Luz, no final da época passada. Refiro-me apenas às notícias do fecho de mercado que envolviam o Sporting. A negociação de Bruma é um bom exemplo, mas paradigmático mesmo é a peça que tem passado na RTP sobre a contratação do Vítor, ao Paços de Ferreira. Diz que o jogador do Paços era disputado por vários clubes mas que foi o Sporting que, “em cima da hora, ganhou a corrida”.

Quer dizer o Sporting ganhou a corrida em que foi o último a chegar, em cima da hora de fecho. Chegou no fim, mas ganhou a corrida a todos os outros interessados. Chegou no fim, mas ganhou, foi o primeiro!

Pois: o último só é primeiro quando é único, quando corre sozinho. O Sporting correu sozinho, mas para a Comunicação Social ganhou!

Chama-se a isto empurrão mediático. Que não é aquele que o Jackson deu no defesa do Paços para marcar o golo que valeu mais três pontos ao Porto. Esse até nem foi nada mediatizado, foi bem escondido...

30
Abr13

O Tempo de Antena da inexperiência...

helderrod

Esta triste imagem deixada na conferência de imprensa benfiquista é a prova inequívoca da inexperiência do clube em lidar com o sucesso e com a pressão.

Vê-se claramente a dificuldade do clube em manter a "cabeça fria" no momento das decisões. Recorde-se a título de exemplo que o Sporting esteve nas meias finais da Liga Europa no ano passado e, mesmo assim, não se deu este alarido...

Enfim...o Benfica padece da sua própria popularidade e o histerismo que o envolve é factor condicionante do desempenho dos jogadores...

Não me parece que a minoria dos benfiquistas que deprecia este populismo tenha estado de acordo com este momento deplorável do departamento de comunicação do SLB.

A acusação pessoal e gratuita de um nível baixo é a evidência de que o meu Porto sabe estar até pela força das circunstâncias, designadamente na miríade de vitórias europeias nas últimas três décadas, num plano superior digno das maiores equipas de topo mundial.

Com efeito, existe a consistência e a maturidade em lidar com o êxito. É essa a dimensão que nos separa: o saber estar inextrincável às vitórias em oposição a um clube que se satisfaz aprioristicamente de parcas conquistas.

O Benfica precisa de crescer neste particular. Não adianta usar fato e gravata. É imperioso que se esteja limpinho por dentro, para emitir a beleza da transparência que procuram defender...

 

 

Hélder Rodrigues

17
Abr13

Há perigo na Grande Área!!!!

helderrod

Em primeiro lugar, quero apelar a todos os leitores que façam chegar este post ao Vitor Pereira, antes do próximo jogo do meu Porto. Na verdade, sou um espectador atento a programas atinentes a futebol. Hoje, já na recta final do programa Grande Área, vejo Bruno Prata com a devida anuência de Carlos Daniel a relegar Vitor Pereira para um "honroso" quarto lugar no ranking de treinadores da presente Liga atrás de Jorge Jesus, Peseiro e Jesualdo Ferreira.

As opiniões valem o que valem, mas Vítor Pereira ganha um campeonato na sua "estreia" na primeira Liga, aquista duas Supertaças Cândido de Oliveira em 2 anos de trabalho como treinador principal e luta, ainda, por um ainda possível bicampeonato. Parece-me um pouco injusta esta hierarquização...mas enfim! Pareceu-me ainda mais grave ouvir Carlos Daniel acusar Vitor Pereira de dar desculpas de mau pagador com as arbitragens. Este consenso é grave em programas onde não é possível haver o direito de resposta. Há perigo na Grande Área...

Já temos o Rui Santos na SIC Notícias que disserta enfaticamente um solilóquio antiportista...agora temos um colóquio de bota-abaixismo no canal público...Calma, meus amigos! O campeonato ainda não terminou e esta histeria antiportista pode ser feitiço que se virará contra estes doutos feiticeiros opinadores de futebol.

Uma palavra para Vitor Pereira: as 0,4 centenas de adeptos que insultaram a nossa equipa não representam a maioria dos verdadeiros portistas que estarão sempre com a equipa até aos últimos instantes. Assim, acreditei na final da Taça dos Campeões Europeus, onde com 9 anos de idade pude assistir a cores a uma espectacular reviravolta, ou com 22 anos um Porto fortíssimo bater um Celtic nos últimos instantes do prolongamento, ou em 2004 em Manchester nos últimos minutos no golo de Costinha, rumo a uma excelente vitória na LC sobre o Mónaco...

Enfim...o Porto merece mais respeito! Por isso: FORÇA PORTO!!! Vamos acreditar até ao fim!!!!

 

É este o espírito: http://www.youtube.com/watch?v=tc56iJiQFQg

 

18
Mar13

Jornais

joaopaulo74

Na habitual mania da perseguição que marca a matriz cultural dos mais pequenos, a comunicação social surge sempre como um braço armado do SPORT LISBOA E BENFICA! Há anos que digo uma coisa muito simples - para o melhor e para o pior, no futebol e na comunicação social funciona o mercado. Se eu fizer uma capa com uma imagem do BENFICA e vender 10, enquanto uma imagem de outros me vende um, talvez escolha mais vezes as capas que vão vender mais. É o mercado!

E é por isso que os jornais têm, muitas vezes, capas diferentes em Lisboa e no Porto. Hoje o Público recorre a essa estratégia.

Seguir

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D