Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

Dia de Clássico

Visto da bancada Sul

28
Fev19

Dia de parabéns

Eduardo Louro

Resultado de imagem para benfica porto março 2012

 

Hoje é dia de ... "parabéns". O Benfica sopra 115 velas. Parabéns SLB, glorioso SLB!  

Acontece que quando o Benfica está de parabéns, o Dia de Clássico está lá perto. Algures entre hoje e amanhã soprará as suas 7 velas. Parabéns Dia de Clássico!

Nasceu a 29 de Fevereiro de 2012, e por isso só para o ano terá direito a celebrar, e apenas pela segunda vez, o seu aniversário. Mas foi há sete anos, curiosamente também a poucos dias de um clássico. Curiosamente também, como agora, a 2 de Março. Na altura (na imagem) na Luz, e o Porto ganhou por 3-2...

Com polémica, como sempre. Com o Benfica a jogar com 10, e aquele golo do Maicon, em falta, à beira dos 90 minutos.

 

 

11
Mai13

Parabéns!

Eduardo Louro

Parabéns aos colegas portistas!

Acho que devo começar por aqui. Depois, dizer que o Benfica perdeu mal este jogo e ainda pior este campeonato. Que o Porto foi feliz, teve a sorte do seu lado e aproveitou-a bem. Se o Porto vira abrirem-se-lhe as portas do campeonatoquando já não o esperava, hoje viu surgir o golo e esta vitória decisiva quando já tudo julgava perdido.

O Porto chegou ao empate num desvio do Maxi para a própria baliza. Teve mais bola – bastante mais – mas as poucas ocasiões de golo pertenceram ao Benfica. O Porto criou uma, que culminou num remate à base do poste, mas o James estava fora de jogo, num dos poucos erros do Pedro Proença. O Artur não fez uma única defesa difícil, ao contrário de Helton, na outra baliza, que já perto do fim negou o golo ao Cardozo. E marcou o golo que tudo decidiu já nos descontos, sem deixar qualquer hipótese de recuperação, quando o Benfica controlava confortavelmente os últimos segundos do jogo, na sequência de um alívio que leva a bola até Liedson que, na primeira vez que lhe toca, a deixa ao alcance de Kelvin que, na segunda vez que lhe toca, faz um remate sensacional. Ambos, mas especialmente Liedson, acabados de entrar no jogo em resultado da fé de Vítor Pereira. Tem fé e acredita em milagres, que afinal há!

É muita sorte? Evidentemente que sim… Eles também têm sorte! 

29
Abr12

Ponto Final

Eduardo Louro

O Benfica não ganhou este jogo que pôs ponto final na questão do título, e que permitiu a antecipação dos festejos que neste momento inundam a invicta, mui nobre e sempre leal cidade do Porto, também porque entrou mal e reentrou pior no jogo.

Sublinhei também porque, infelizmente, voltou a suceder o costume. Se foi assim até aqui, assim teria de ser até ao fim…

A nota curiosa deste jogo residiu no regresso de Olegário Benquerença à arbitragem dos jogos do Benfica, vinte meses, quase dois anos depois. Igual a ele próprio, como costuma dizer-se!

De mão leve, puxando de amarelos a torto e a direito, mas assinalando um penalti a favor do Benfica. Inédito, creio!

Mas, porque a tradição ainda é o que era, mais dois – claríssimos e cometidos mesmo à sua frente – deixaria por assinalar. A não ter sido assim o Porto festejaria o título que o Benfica lhe ofereceu no relvado do Dragão ou no da vizinha Vila do Conde, ainda antes de o festejar na Avenida dos Aliados.

Mas nem o facto de considerar que este Porto os não terá merecido, me impede de deixar de aqui os meus parabéns aos portistas. Em primeiro lugar, e em especial, a estes meus colegas dragões do Dia de Clássico. Parabéns a vocês!

Seguir

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D